A "Fenomologia" do arrependimento

Nos últimos dias fomos surpreendidos com uma noticia de certo ponto inopinado, vimos um famoso jogador de futebol, conhecido mundialmente como o “Fenômeno” envolvido em um caso de polícia, poderia ser mais uma ocorrência daqueles milhares que não dão em nada, mas, a mídia fez o seu ofício, e a notícia se espalhou pelos quatro cantos do planeta, então a polícia viu-se obrigada a colocar-se em prontidão para apurar a realidade dos fatos. Vítima ele? Não vem ao caso agora! Todavia, de acordo como foi propalado pelas agências de comunicação, isso pode custar ao fenômeno um preço muito mais caro do que ele imaginava inicialmente. Depois de ser exposto à toda mídia mundial, o Fenômeno teria rompido com sua noiva e ainda corre o risco de perder o contrato vitalício com a marca esportiva que o patrocina. Imagino eu que depois de tudo o que aconteceu, tenha ele, refletido sobre o caso e chegado a um amargo arrependimento. Tarde de mais, (no caso dele) o mundo todo já sabe!
Pensando sobre a analogia que podemos fazer deste acontecimento com a nossa vida como cristãos, Lembrei-me das palavras do rei Davi: “Sonda-me, ó Deus, e conhece o meu coração, prova-me e conhece os meus pensamentos; vê se há em mim algum caminho mau e guia-me pelo caminho eterno.” Salmo 139.1,2.
Sobretudo, podemos entender que os desvios de condutas que também estamos sujeitos, sempre virão seguidos de uma conseqüência, no caso do “fenômeno” foram as piores possíveis, entretanto no nosso caso elas são drásticas. Ele perdeu a noiva e o patrocínio, (segundo a mídia jornalística) nós perdemos a comunhão com Jesus!
Quando Davi se viu em situação “parecida” ele expressou uma oração de arrependimento e busca de conserto diante do Senhor, entendo que eu e você precisamos agir da mesma maneira que Davi; ou seja, devamos estar diante de Deus todos os dias, dizendo:
Senhor, Sonda-me, vê se há em mim algum caminho mau e guia-me pelo caminho eterno, guarda-me, porque em ti me refugio!

Cleudair Cordeiro de Godoi
3º Periodo Teologia
Seminário Teológico Batista do Sul do Brasil-RJ

1 comentários:

Anônimo 15 de maio de 2008 17:07  

PARABÉNS MY BROTHER, FICOU EXCELENTE A TRANSMISSÃO DO RECADO AOS NOSSOS CORAÇÕES!!! QUE DEUS CONTINUE TE INSPIRANDO NA ELABORAÇÃO DESTES TEXTOS ABENÇOADORES.
ABRAÇOS,
Welesson.

Sobre este blog

Contador

Fotos

...:::Cleudair Godoi:::...

Advertisement

Sample Text

A "Fenomologia" do arrependimento

Nos últimos dias fomos surpreendidos com uma noticia de certo ponto inopinado, vimos um famoso jogador de futebol, conhecido mundialmente como o “Fenômeno” envolvido em um caso de polícia, poderia ser mais uma ocorrência daqueles milhares que não dão em nada, mas, a mídia fez o seu ofício, e a notícia se espalhou pelos quatro cantos do planeta, então a polícia viu-se obrigada a colocar-se em prontidão para apurar a realidade dos fatos. Vítima ele? Não vem ao caso agora! Todavia, de acordo como foi propalado pelas agências de comunicação, isso pode custar ao fenômeno um preço muito mais caro do que ele imaginava inicialmente. Depois de ser exposto à toda mídia mundial, o Fenômeno teria rompido com sua noiva e ainda corre o risco de perder o contrato vitalício com a marca esportiva que o patrocina. Imagino eu que depois de tudo o que aconteceu, tenha ele, refletido sobre o caso e chegado a um amargo arrependimento. Tarde de mais, (no caso dele) o mundo todo já sabe!
Pensando sobre a analogia que podemos fazer deste acontecimento com a nossa vida como cristãos, Lembrei-me das palavras do rei Davi: “Sonda-me, ó Deus, e conhece o meu coração, prova-me e conhece os meus pensamentos; vê se há em mim algum caminho mau e guia-me pelo caminho eterno.” Salmo 139.1,2.
Sobretudo, podemos entender que os desvios de condutas que também estamos sujeitos, sempre virão seguidos de uma conseqüência, no caso do “fenômeno” foram as piores possíveis, entretanto no nosso caso elas são drásticas. Ele perdeu a noiva e o patrocínio, (segundo a mídia jornalística) nós perdemos a comunhão com Jesus!
Quando Davi se viu em situação “parecida” ele expressou uma oração de arrependimento e busca de conserto diante do Senhor, entendo que eu e você precisamos agir da mesma maneira que Davi; ou seja, devamos estar diante de Deus todos os dias, dizendo:
Senhor, Sonda-me, vê se há em mim algum caminho mau e guia-me pelo caminho eterno, guarda-me, porque em ti me refugio!

Cleudair Cordeiro de Godoi
3º Periodo Teologia
Seminário Teológico Batista do Sul do Brasil-RJ

1 comentários:

  1. Anônimo says:

    PARABÉNS MY BROTHER, FICOU EXCELENTE A TRANSMISSÃO DO RECADO AOS NOSSOS CORAÇÕES!!! QUE DEUS CONTINUE TE INSPIRANDO NA ELABORAÇÃO DESTES TEXTOS ABENÇOADORES.
    ABRAÇOS,
    Welesson.

Leave a Reply

Blog Archive

Ads

Featured Video